Quem precisa reciclar o óleo de cozinha?

Um único litro de óleo de cozinha usado pode contaminar até 20 mil litros de água potável

Há muito debate sobre quem precisa reciclar o óleo de cozinha e a resposta correta é: todo mundo! Ainda mais restaurantes, lanchonetes, padarias, supermercados e outros estabelecimentos que utilizam ou comercializam óleo de cozinha.

Basicamente, esses são os grupos que são responsáveis pelo descarte adequado do produto e seus resíduos, justamente por serem estes estabelecimentos os de maior impacto no meio ambiente quando falamos sobre despejo inadequado do produto.
Para refletir um pouco: se um único litro de óleo de cozinha usado pode contaminar até 20 mil litros de água potável (e ainda levar até 14 anos para ser absorvido pela natureza), multiplique esses números em escala industrial!
O óleo de cozinha, quando descartado de maneira errada, também prejudica o funcionamento do sistema de esgoto, além de obstruir a tubulação!
Restaurantes e afins precisam descartar o óleo corretamente, como já falamos nesta postagem!
É de conhecimento de todos que supermercados e armazéns não utilizam óleo para fritura, mas estes espaços vendem óleo para consumo doméstico. Neste caso, o ideal é que o produto esteja no interior das lojas para evitar vazamentos ou acidentes que possam contaminar o solo. O ideal é contar com recipientes especiais para coleta do óleo usado pelos clientes para, desta maneira, poder encaminhar para usinas de tratamento, como a da Ambiental Santos.
Consciência vale para todos
Apesar da atenção maior voltada para estes estabelecimentos, todo gerador de óleo de fritura usado é responsável pelo descarte correto desses resíduos (incluindo cantinas de escolas e fábricas, hospitais, etc). Em algumas cidades ou estados, os geradores de óleo de fritura têm a obrigação de se registrar junto ao órgão ambiental e usar os serviços de transportadoras e recicladores autorizados.
Os geradores que descumprirem essas obrigações podem sofrer sanções por não conformidade, que variam de multas, cassação de alvará de funcionamento e fechamento de instalações. Nesse sentido a Ambiental Santos cumpre toda legislação vigente nacional, estadual e municipal para que você possa produzir, sem preocupações.
Se você é um gerador gastronômico ou industrial de óleo de fritura e deseja conhecer os requisitos legais sobre a destinação final do óleo de fritura em sua cidade, entre em contato pelo nosso canal de Atendimento ao Cliente 0800 944 1050.
Acompanhe nosso blog, siga a gente pelo Facebook ou Instagram para ficar por dentro de tudo sobre reciclagem de óleo vegetal!