Reciclagem total! Além do óleo usado, o que pode ser reciclado dentro de casa?

Nos últimos anos, a reciclagem passou a fazer parte do dia a dia de todos. Basta observar  vezes a palavra “reciclar” é citada em cartazes, jornais, outdoors e nas próprias embalagens. Mesmo com esta exposição constante, será que a reciclagem é uma prática realizada corretamente?

O que são materiais recicláveis?
A reciclagem do óleo vegetal usado, material considerado altamente perigoso para o meio ambiente, é apenas um dos materiais possíveis de serem separados para reciclagem dentro de casa.  

São recicláveis todos os materiais que podem ser reutilizados após seu uso principal, com os quais é possível criar materiais para transformá-los, ou seja, criando um novo uso. Além do óleo vegetal, latas de alumínio, papel e vidro são exemplos de materiais descartados nas residências. Se o óleo vegetal precisa de uma embalagem específica, utilize garrafa PET pela sua capacidade de vedação.

No caso de embalagens de vidro, que podem quebrar e trazer perigo, o ideal é lacrar a caixa de papelão que leva vidro com fita adesiva e escrever na caixa o conteúdo interno. Latas de alumínio podem ser cortantes, portanto o mesmo procedimento pode ser utilizado para latas vazias.

A Ambiental Santos, especializada em reciclagem de óleo vegetal no Paraná e em Santa Catarina, separou uma lista de alguns itens que muitas vezes são desconhecidos das pessoas no que tange a reciclagem, confira:

Plásticos, como garrafas plásticas de refrigerantes, água mineral, recipientes, etc. É importante destacar que este é um dos materiais mais produzidos em todo o mundo, embora nem todos os elementos plásticos possam ser reciclados.
Embalagens metálicas
– Alumínio em todas as suas formas.
– Papel de jornal, revistas, papelão ou brochuras
– Pilhas e baterias (que devem ser levados até supermercados ou estabelecimentos que recebam estes produtos)
– Aparelhos eletrônicos (as prefeituras geralmente possuem coletas de produtos eletrônicos, muitas vezes por agendamento)
Medicamentos vencidos que podem ser elevados até farmácias que darão a destinação correta.

O processo de reciclagem parte de uma seleção entre os materiais que podem ter outra oportunidade de uso e os que são resíduos orgânicos. Separar uma lata de lixo apenas para estes materiais, e outra para o orgânico já é um bom começo.